segunda-feira, 11 de abril de 2016

Um dia de cada vez: endométrio fino

Minha ultra hoje estava marcada para às 11h30. Às 11h liguei e fui informada de que três pacientes estavam na minha frente, ou seja, não atrasaria muito, já que as ultras são rápidas. Então eu calculei para chegar lá às 11h40, mas só fui ser atendida às 12h20, quarenta minutos depois.

As notícias do dia: folículos do ovários esquerdo estão crescendo (19,5mm e 17,5mm), apareceu um folículo de 18mm no ovário direito - mas, como ele surgiu do nada, pode ser que seja apenas um cisto. De qualquer forma, será aspirado na punção para que seja verificado.

Diante do resultado da ultra, a médica achou que a punção seria marcada para a quarta-feira. Mas, após consultar o meu médico, ele decidiu não agendar ainda. Isso porque meu endométrio - que sempre foi lindo, elogiado por seu aspecto trilaminar, que engrossava bonitinho - resolveu não colaborar desta vez e está fininho. E o que isso significa? Que há riscos de os meus dois (talvez três) folículos não conterem óvulos. É que os folículos produzem estrogênio, que, por sua vez, faz com que o endométrio fique espesso. Como ele está fino, há essa preocupação.

A decisão do médico, então, foi receitar um gel de estrogênio para ver se o endométrio fica mais espesso. Vou usá-lo hoje à noite e, amanhã, estarei de volta à clínica, tendo, de novo, que fazer malabarismo no trabalho por conta do horário. Espero engravidar logo para poder explicar.

É tudo muito louco nesse processo: é realmente uma etapa de cada vez. Tem que ter folículo, folículo com óvulo, endométrio espesso, hormônios com taxas ideais, o embrião tem que fecundar, tem que se desenvolver, tem que ser implantado. E, entre cada uma dessas etapas, milhões de fatores podem pintar e atrapalhar tudo. Eu, como já fiz três fertilizações no ano passado, achava que saberia exatamente como tudo caminharia nesse ciclo. Mas já aconteceram várias coisas diferentes, meu corpo tá apresentando novos sinais e, claro, dá medo. Mas seguimos em frente, um dia de cada vez...

6 comentários:

  1. Um passo de cada vez...

    Acompanhando e na torcida.
    =*****

    mom

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. Oi Thais, obrigada pela visita e pela torcida. bjs!

      Excluir
  3. Essa batalha é continua ,ne
    Que em breve tudo d~e certo e vc esteja com um positivo nas maos.
    Eu tbm faço malabarismo no trabalho pra ir nas consultas,rs
    bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Nise! O malabarismo do trabalho me estressa, é péssimo, mas não tem muita alternativa... Hoje eu sumi 2h30 no almoço porque a consulta atrasou demais. Todos devem me achar louca, mas um dia espero poder explicar. bjs!

      Excluir