quarta-feira, 25 de maio de 2016

A coenzima Q10

Cell

Comentei no post sobre a consulta em São Paulo que o médico passou alguns remédios para eu começar a tomar, um deles a Coenzima Q10. Já tinha ouvido falar dessa medicação, mas, como nenhum dos quatro especialistas em reprodução e nem a ginecologista recomendaram, nunca havia usado.

E aí o médico paulistano pediu que eu usasse e explicou para que serve. A coenzima Q10 (ubiquinona) nada mais é do que um antioxidante que contribui para evitar o envelhecimento celular. Mas por que é recomendado para mulheres com falência ovariana precoce? Justamente para tentar retardar o envelhecimento do ovário.

A explicação técnica é um pouco complexa, me fez até voltar no tempo (longínquo) das aulas de ciências. A coenzima Q10 está presente em todos os tecidos do corpo humano. Essa substância é essencial para que a célula produza ATP, considerada a unidade básica de energia necessária para o corpo manter as funções vitais.

A concentração maior de coenzima Q10 se dá nas mitocôndrias, que ficam fora do núcleo da célula (olha aí a aula de ciências). Quanto mais idade tiver a mulher, menos mitocôndrias e menor produção de ATP ela terá. O mesmo vale para mulheres com falência ovariana precoce, como eu.

O que a suplementação da coenzima Q10 faz é aumentar a quantidade dessa substância nas mitocôndrias, provocando uma "explosão de energia", nas palavras do médico. Essa explosão de energia, traduzida pela produção maior de ATP, ajuda os óvulos a se tornarem maduros com mais qualidade, o que forma embriões melhores e com mais chances de serem implantados. Várias pesquisas já foram publicadas atestando essa eficácia.

A substância é encontrada em alimentos como sardinha, cavalinha, óleo de soja, nozes, fígado de boi e amendoins. Alimentos que, aliás, quase não consumo. Mas ao menos os peixes e as nozes e amendoins vou tentar incluir na dieta.

Li um relato de uma mulher que passou a usar a CoQ10 após três abortos e cinco falhas de implantação em FIVs, com diagnóstico de trombofilia. Nas FIVs sem CoQ10 mantinha uma média de 9-11 folículos. Depois de começar a tomar a CoQ10 teve 22 folículos no D3 do ciclo e 30 folículos no dia da coleta: 22 maduros, 11 fertilizados e quatro blastocistos. Tipo elixir da vida mesmo, como alguns sites exageradamente classificam a CoQ10!

O médico paulistano deixou bem claro que não existe nenhuma garantia de sucesso, mas que há, na literatura, relatos da eficácia da suplementação da CoQ10. O que eu me pergunto (sempre!) é por que diabos nenhum outro médico me passou essa medicação antes? Foi em fevereiro de 2015 que descobri o anti-mulleriano baixo e recebi o diagnóstico de FOP/baixa reserva e, desde então, já fiz quatro FIVs....

Enfim, vou tentar me apegar ao clichê de que "as coisas acontecem na hora que têm que acontecer" e tentar parar de questionar o passado e focar no futuro, mantendo as esperanças de que a CoQ10, mesmo não sendo milagrosa, ajude um pouquinho a energizar nosso futuro blastocisto.

Fonte para a aula de ciências

14 comentários:

  1. Cara, amendoim ainda tem vitamina E, que, dizem, é uma das vitaminas que ajudam na produção de espermatozoides. Se você e seu marido gostarem, dá para fazer o festival do amendoim toda a semana, porque ele também se beneficia da vitamina E.
    ;)
    Desculpa, mas vou te mandar outro e-mail.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Nunca tinha ouvido falar dessa medicação.Mais mantenha a calma que dará certo sim!Boa sorte!

    ResponderExcluir
  3. Que boa notícia!!!! Já trouxe esperança =)
    Agora é focar na dieta + suplementação!
    bjss

    ResponderExcluir
  4. Também já tinha ouvido falar e inclusive perguntei sobre ela ao primeiro médico de reprodução... Ele simplesmente disse que se eu quisesse podia usar, mas não tinha comprovação. Ai esses médicos.

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jura? Pergunta pro Famosinho da próxima vez!

      Excluir
  5. Q boa noticia, não conhecia os efeitos dessa Coenzima, mas são ótimos. Tenha fé sim e creia no clichê pq de fato Deus faz tudo na hora certa.
    Bju

    ResponderExcluir
  6. Você falou do Q10 e eu lembrei daquele creme anti-idade da Nívea... eles sempre reforçam que ele tem Q10. Então está explicado... é um elixir da juventude... rs...
    Talvez os outros médicos não tenham recomendado porque não é certeza de que vai surtir efeito. Mas entendo que numa situação como a sua, qualquer ajuda, já ajuda!
    Talvez uma coisa isolada não resolva o problema, mas várias coisas ao mesmo tempo, cada uma ajudando um pouco, pode ser a resposta para o problema, certo?
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha é verdade, não tinha me lembrado desse creme da Nivea. E acho que é isso, pode não ser garantido, mas não custa tentar, né? Bjo!

      Excluir
  7. Muito boa essa informação!! Torcendo muito pelo seu positivo!!!

    ResponderExcluir